Dissipação de cloro em piscinas

Autores

  • Celso Eufrásio Monteiro CETESB
  • Sétimo Humberto Marangon CETESB

Palavras-chave:

piscinas, dissipação de cloro, cloração, estabilizador de cloro, ácido cianúrico, cianuratos

Resumo

O presente trabalho discute o emprego de substâncias atualmente denominadas genericamente de ''estabilizadores de cloro'', que visam minimizar o problema da dissipação do cloro cm piscinas devido à incidência de raios ultravioleta da luz solar, dissipação esta que em termos práticos torna muito complexa a dosagem de cloro. Especial atenção é dispensada ao uso do ácido cianúrico, que chega a reduzir cm 75% o consumo de cloro, diminuindo também o trabalho de manutenção e o uso de cianurctos (doraminas orgânicas) como agentes de desinfecção.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Celso Eufrásio Monteiro, CETESB

Engenheiro Químico e Sanitarista da CETESB, Mestre cm Saúde Pública

Sétimo Humberto Marangon, CETESB

Tecnólogo em Saneamento, da CETESB

Downloads

Publicado

1987-12-01

Como Citar

MONTEIRO, C. E.; MARANGON, S. H. Dissipação de cloro em piscinas. Revista Ambiente, São Paulo, v. 1, n. 3, p. 150–152, 1987. Disponível em: https://revista.cetesb.sp.gov.br/revista/article/view/39. Acesso em: 28 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos