Metais pesados na baía de Santos e estuários de Santos e São Vicente

bioacumulação

Autores

  • Celina Vargas Boldrini CETESB
  • Denise Navas Pereira CETESB

Palavras-chave:

metais pesados, bioacumulação, contaminação marinha, estuários, peixes, qualidade da água, sediment

Resumo

Foram analisados os níveis de contaminação por cobre, chumbo, zinco, mercúrio, cádmio e cromo total na água, sedimento e peixes da baía de Santos e estuários de Santos e São Vicente, e avaliados os fatores de concentração desses metais nos peixes. Foi verificado que o mercúrio, o zinco e o cobre apresentaram fatores de concentração significativos nos peixes, ou seja, acima de mil vezes o teor do metal encontrado na água. O mercúrio foi o único que apresentou fatores de concentração significativos na musculatura das espécies de peixes analisadas. mostrando uma contaminação a longo prazo desse metal na região.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Celina Vargas Boldrini, CETESB

Bióloga da CETESB

Denise Navas Pereira, CETESB

Bióloga da CETESB

Downloads

Publicado

1987-12-01

Como Citar

BOLDRINI, C. V.; PEREIRA, D. N. Metais pesados na baía de Santos e estuários de Santos e São Vicente: bioacumulação. Revista Ambiente, São Paulo, v. 1, n. 3, p. 118–127, 1987. Disponível em: https://revista.cetesb.sp.gov.br/revista/article/view/33. Acesso em: 7 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos